Relato da 1ª visita

por Natália Cheung 2 months ago

No sábado, 19 de agosto, a Samantha, a Lana (Pinheiros) e eu (Vila Romana) visitamos a horta do Pedro e do Tenório, localizada numa área da Sabesp em São Mateus, zona leste de São Paulo. Como em áreas como esta, por onde passam as tubulações, não se pode escavar e nem erguer edificações, os gestores da Sabesp concedem sua ocupação a pessoas que querem praticar agricultura. Foi assim que o Pedro e o Tenório começaram em outubro de 2015, conseguindo permissão para cultivar uma área de quase 1000m², uma parte dos 8.800m² totais da horta comunitária de São Mateus. Encontramos durante a visita outros agricultores que cuidam de seus lotes de terra, nesse mesmo terreno.

O Pedro e o Tenório se conheceram nas andanças pelas hortas comunitárias de São Paulo. Na horta de São Mateus, eles têm cultivado principalmente hortaliças. Encontramos lá alface, rúcula, escarola, repolho, couve, couve-flor e brócolis, e alguns temperos, como cebolinha e salsinha. Entre um alface e outro, vimos também algumas mudas de cenouras e beterrabas. E algumas bananeiras margeando os canteiros. Eles contam que têm vontade de consorciar mais as variedades e plantar mais legumes e frutíferas, mas que escolheram priorizar as hortaliças nos primeiros ciclos por causa do tamanho da área disponível e da necessidade da entrada de dinheiro no fluxo de caixa, num período de tempo mais curto. No caso das frutíferas, são poucas as permitidas para se plantar no terreno. Podem ter mamão e um número limitado de bananeiras.

Para comercializar os alimentos, eles contam principalmente com o apoio da Associação dos Agricultores da Zona Leste. Em julho, foram certificados por uma Organização de Controle Social (OCS), recém criada pela Associação.

Vou postar em seguida algumas fotos da nossa visita. Nem mesmo o dia chuvoso conseguiu esconder a beleza que é esta horta. Eu achei muito linda!

Contato

Se o bairro ou a cidade em que você mora não aparecer na lista, escolha a opção ‘Quero começar uma CSA’. Na mensagem, informe o nome do bairro e/ou da cidade.

Menu