Relato da 2ª visita

por Samantha Orui

Na visita realizada no dia 06 de outubro de 2017, Rafael Tenório me explicou como eram feitas as mudas no início do trabalho na horta; mostrou-me as caixas de madeira que foram confeccionadas de acordo com as instruções que encontrou em publicações sobre o cultivo biointensivo e me explicou o porquê de ter voltado a usar as bandejas.

Conversamos sobre os desafios relacionados ao cultivo de alimentos em ambiente urbano e sobre o potencial do material de poda dos parques e ruas para a agricultura urbana; conversamos também sobre os erros cometidos anteriormente que servem, agora, de aprendizado para a preparação dos próximos canteiros.

Acordamos que não dará mais tempo para semear lá mesmo os cultivos de verão e que, por isso, as mudas de berinjela, quiabo, jiló etc serão compradas de um viveiro especializado em fornecer mudas para agricultores.

Não foi me alongar muito nesse relato. O que posso dizer é que a horta agora está bem diferente de quando fomos pela primeira vez – as paisagens mudam constantemente, em ambientes onde se cultivam alimentos -, porque muitas das plantas já foram colhidas e os canteiros estão sendo preparados para os novos plantios.

Contudo, em alguns, já foi semeado o milho junto com adubação verde.

Contato

Se o bairro ou a cidade em que você mora não aparecer na lista, escolha a opção ‘Quero começar uma CSA’. Na mensagem, informe o nome do bairro e/ou da cidade.

Menu